Sábado, 3 de Março de 2007

Que política para o meio ambiente?

o meio ambiente em Alijo

 O encerramento da lixeira de Alijó, situada na zona industrial, não significou o fim do apodrecimento dos resíduos a céu aberto, embora a colocação em vários lugares da vila de ecopontos tenha vindo ajudar à recolha selectiva de algum lixo.

Apesar da beleza incomparável e inquestionável da nossa vila, decidi dar uma volta por vários locais e logo me apercebi que em muitos sítios a bela paisagem verde dá lugar a uma nódoa na paisagem: lixo, muito lixo - é lixo urbano, lixo comercial, lixo público, etc … lixo recolhido indiferenciadamente e colocado em bruto em vários locais. Todos os diferentes tipos de resíduos de médio porte, como electrodomésticos, partes de automóveis, colchões, armários, ferro velho, vidros, latas de tinta, roupas, telhas, plásticos, restos das obras, entre outros.

Mas, se de nós todos depende a preservação do meio ambiente, a verdade é que não existe um lugar onde se possa depositar determinado lixo. O Sr. Presidente do Município, mais preocupado com obras que significam votos, e, a aparecer sempre que possível nos meios de comunicação social, talvez uma obsessão pessoal, nada faz para resolver este problema que surge no dia a dia de cada cidadão sempre que necessite de fazer umas “obrazitas” em casa, substituir o seu frigorífico, mudar os velhos sofás, etc …

Não será demais lembrar-lhe que a existência destas lixeiras a céu aberto, além de ser degradante em termos visuais, constitui um perigo para a saúde pública. O lixo entra em autocombustão, contaminando com gases e fumos tóxicos perigosos toda a área circundante, os líquidos que escorrem do lixo infiltram-se na terra e contaminam os lençóis de água subterrâneos, pondo em sério risco a água dos poços.

A saúde pública e a deterioração da paisagem, mas também a saúde ambiental, deviam ser uma preocupação de qualquer executivo.

Com o fim das lixeiras ganhamos todos e o ambiente agradece…!

É este o retrato da politica ambiental da autarquia. Faça o seu comentário.

 

 

 

sinto-me:
publicado por avozalijoense às 18:49
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De Anónimo a 3 de Março de 2007 às 18:55
mau
De Anónimo a 3 de Março de 2007 às 18:57
é triste...
De Anónimo a 3 de Março de 2007 às 19:07
uma vergonha!
De Anónimo a 20 de Abril de 2007 às 15:58
De facto é muito triste, olhar para a bela paisagem que temos e verificar que existem muitos descuidos. Mas muitos desses descuidos seriam evitáveis. Muito do lixo que se encontra é bio degradável e bastaria enterrar esse mesmo para que vissemos algo de diferente. Mas o outro lixo esse sim é um sério problema. Existe um slogam que apela ao sentido de responsabilidade das pessoas que de facto deveriam ter mais respeito pela natureza.
De gaspar38 a 28 de Maio de 2007 às 19:25
E triste saber que o concelho nao sai do mesmo sistema,por causa de alguns senhores que se fazem passar por donos de todose de mais alguem.
Estou em França e sinto-me triste de ver a miseria que continua,esperarque melhore talvez seja pedir muito.
Mas talvez os santos nao tenham mudado e ainda possa haver um milagre.Sera bom que todos os filhos do concelho se preocupassem com o seu futuro,pois se assim continua o futuro é triste e sem saida.
Fernando Gaspar
E preciso mudar de comiloes.
De gaspar38 a 9 de Junho de 2007 às 19:53
Talvez seja uma ideia que nao interece nimguem,mas se as juntas de freguesia com os terrenos que teem ,podiam</a> fazer um local onde todos deixassem o lixo e em cada fim do mes os empregados da camara
(que nao sao eles poucos)passariam a recuperar.
porque sem um local em cada aldeia as pessoa que nao teem meios de transporte claro que escolhem o meio mais facil .
Talvez se devia pensar nesta ideia.Eu estou em França e aqui existe estes locais,e tambem esplicar as Pessoas o beneficio que lhes vai trazer.
Menos empregados na camara se cada um souber por o lixo no seu lugar,mesmo se for preciso aplicar multas,mas cuidado nao perdoar os amigos.
De avozalijoense a 10 de Junho de 2007 às 20:13
Estamos de acordo que alguma coisa tem que ser feita pelo poder político, pois, esta situação não pode continuar.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARA REFLECTIR....

. BRUNO DEIXA O ATLÉTICO CL...

. PSD: PEDRO PASSOS COELHO ...

. Citações célebres.Ler e r...

. I Jornadas de Saúde Mater...

. Bombeiros Voluntários de ...

. Santa Casa da Misericórdi...

. Arquivo Municipal. Ressac...

. DIA SEM CARROS

. PORTUGAL E ESPANHA REVIVE...

. A avaliação do desempenho

. BOMBEIROS DE ALIJÓ FESTEJ...

. 1ª CONCENTRAÇÃO MOTARD - ...

. A Natureza...

. Que política para o meio ...

.arquivos

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Março 2007

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds